sábado, 7 de julho de 2012

SÓ AMOR, O "FOGO QUE ARDE SEM SE VER"



FRUTA BOA
Milton Nascimento e Fernando Brant

É maduro o nosso amor, não moderno
Fruto de alegria e dor, céu, inferno
Tão vivido o nosso amor, convivência
De felicidade e paciência
É tão bom...

O nosso amor comum é diverso
Divertido mesmo até, paraíso
Para quem conhece bem
Os caminhos
Do amor seu vai e vem
Quem conhece

Saboroso é o amor, fruta boa
Coração é o quintal da pessoa
É gostoso o nosso amor
Renovado é o nosso amor
Saboroso é o amor madurado de carinho

É pequeno o nosso amor, tão diário
É imenso o nosso amor, não eterno
É brinquedo o nosso amor, é mistério
Coisa séria mais feliz dessa vida



Desde sempre em mim. Desde
Sempre estiveste. Nas arcadas do tempo
Nas ermas biografias, neste adro solar
No meu mudo momento
Desde sempre, amor, redescoberto em mim.

Hilda Hilst



Há no seu olhar
Algo de saudade
De um tempo ou lugar
Na eternidade
Eu quisera ter
Tantos anos-luz
Quantos fosse precisar
Pra cruzar o túnel
Do tempo do seu olhar

Gilberto Gil

Amor é o que se aprende no limite,
depois de se arquivar toda a ciência
herdada, ouvida. Amor começa tarde.

Carlos Drummond de Andrade

Se um dia
meu coração for
consultado
para saber se andou
errado
será difícil negar
meu coração tem mania de amor

Paulinho da Viola

Que dias há que na alma me tem posto
um não sei quê, que nasce não sei onde,
vem não sei como, e dói não sei por quê.

Camões

Todas as cartas de amor são
Ridículas.
Não seriam cartas de amor se não fossem
Ridículas.
Também escrevi em meu tempo cartas de amor,
Como as outras,
Ridículas.
As cartas de amor, se há amor,
Têm de ser
Ridículas.
Quem me dera no tempo em que escrevia
Sem dar por isso
Cartas de amor
Ridículas.
Afinal,
Só as criaturas que nunca escreveram
Cartas de amor
É que são
Ridículas.

Álvaro de Campos, heterônimo de Fernando Pessoa


Se foi há anos,
Ou dias,
Não sei.
Nem quantas vezes te cheirei
No ar da manhã.

Luis Represas

Ferido de amor e morte
Ando à procura de paz.
Cadê teu rosto de brumas,
Para meu ombro desabado?

Manoel de Barros

Entre por essa porta agora
E diga que me adora
Você tem meia hora
Pra mudar a minha vida

Adriana Calcanhotto

À noite debrucei-me sobre teu sono.

Paul Verlaine



Como se se pudesse escolher no amor, como se amar não fosse um raio que quebra os ossos e nos deixa paralisados no meio do pátio.

Julio Cortázar


A Força Aérea me condecorou porque matei dois homens no Vietnã e me expulsou por amar um.

Leonard Matlovich, membro da Força Aérea Norte-Americana, condecorado por sua atuação no Vietnã e expulso, posteriormente, por homossexualismo.





Só uma coisa me entristece
O beijo de amor que não roubei
A jura secreta que não fiz
A briga de amor que não causei

Sueli Costa e Abel Silva

Amor, meu grande amor
Não chegue na hora marcada
Assim como as canções
Como as paixões e as palavras

Ângela Ro Ro

Mas nada vai conseguir mudar
O que ficou
Quando penso em alguém
Só penso em você

Renato Russo

É sobre-humano amar
‘Cê’ sabe muito bem
é sobre-humano amar, sentir,
doer, gozar
ser feliz

José Miguel Wisnik


Se alguém seu arquipélago seu rei
Seu golfo e seu farol
Captasse a cor das cores da razão do sol da vida
Talvez chegasse a ler o que este amor tem como lei

Caetano Veloso

Sempre quis um amor
cujo bom dia morasse
na eternidade de encadear os tempos:
passado presente futuro
coisa da mesma embocadura
sabor da mesma golada.

Elisa Lucinda


Há sempre um novo amor
e uma nova saudade

Guilherme Arantes e Nelson Motta


Quando as pálpebras fecho, manso e manso,
vens, como Vésper na hora azul da tarde,
e ficas a brilhar no meu céu interior.

Helena Kolody


Preciso transfundir seu sangue
pro meu coração que é tão
vagabundo

Martinho da Vila

O amor é sempre avesso às leis da observação.

Molière


- Não fale, amor. Cada palavra, um beijo a menos.

Dalton Trevisan



As pessoas ficam procurando o amor como solução para todos os seus problemas quando, na realidade, o amor é a recompensa por  você ter resolvido seus problemas.
Norman Mailer


Amar é mudar a alma de casa.
Mario Quintana


A verdade é que ninguém pode ferir-nos, salvo aqueles que amamos.

Jorge Luis Borges


Sinto falta
da falta
que sentia
de ti

Bianca Ramoneda


(...) pela manhã iremos às vinhas,
para saber se a vinha lançou rebentos,
se as suas flores se abrem,
se as romanzeiras estão em flor.
Aí te darei as minhas carícias.

Cântico dos Cânticos

Quem fala mal do amor
Não sabe a vida gozar
Quem maldiz a própria dor
Tem amor, mas não sabe amar

Noel Rosa e Vadico

Aqui estão meus olhos nas flores,
meus braços ao longo dos ramos:
e, no vago rumor de fontes,
uma voz de amor que sonhamos.

Cecília Meireles

Oh! Amar é ser Deus!... Olhar ufano
O céu azul, os astros, o oceano
E dizer-lhes: "Sois meus!"
Fazer que o mundo se transforme em lira,
Dizer ao tempo: "Não... Tu és mentira,
Espera que eu sou Deus"

Castro Alves

Todo o mundo deveria permitir-se o instante quando - mesmo que fosse difícil - se abre o lugar de um novo sonho ou um audacioso amor; ainda que a realidade levantasse montanhas, o fervor nos daria asas; o acomodamento mortal seria revogado até segunda ordem.

Lya Luft

Quando não tinha nada eu quis
Quando tudo era ausência esperei
Quando tive frio tremi
Quando tive coragem liguei

Chico César

Ah, quem me dera ter-te
Como um lugar
Plantado num lugar
Plantado num chão verde
Para eu morar-te
Morar-te até morrer-te...
 
Vinicius de Moraes


Teu olhar é o claro altar
onde o mar murmura de joelho

Aldir Blanc e Cristovão Bastos


Eu penso em ti quando o fulgor do sol ardente
reluz no mar;
e penso em ti quando a tranquila fonte
espelha o luar.

Goethe

Eu vivo por vós tal vida
que nunca estes olhos meus
dormem

D. Dinis

Querida, ao pé do leito derradeiro
em que descansas dessa longa vida,
aqui venho e virei, pobre querida,
trazer-te o coração do companheiro.

Machado de Assis

Diga que me odeia
Mas diga que ão vive sem mim
Eu sou uma praga
Maria-sem-vergonha do seu jardim

Rita Lee e Roberto de Carvalho

O coração tem razões que a própria razão desconhece.

Pascal (1623 - 1662)


Ninguém conseguirá matar aquele tempo, ninguém vai conseguir jamais: nem nós. Digo: enquanto você existir, onde quer que esteja, ou enquanto eu existir.
Diz o almanaque que aquele tempo, aquele pequeno tempo, há não existe; mas nesta noite meu corpo nu está transpirando você.

Eduardo Galeano


Quando aquela voz suave saiu pelo fio do telefone
a muralha do verbo desabrochou em ternura.

Viviane Mosé


Você também me lembra a alvorada
Quando chega iluminando
Meus caminhos tão sem vida

Cartola, Carlos Cachaça e Hermínio Bello de Carvalho



Faço poemas como quem faz amor.
É a mesma luta suave e desvairada
enquanto a rosa orvalhada
se vai entreabrindo devagar.
A gente nem se dá conta, até acha bom,
o imenso trabalho que o amor dá pra fazer.

Thiago de Mello


Nenhuma corda ou cabo pode arrastar com tanta força ou atar tão firmemente como o amor consegue fazer apenas com um fio.

Lord Bacon (1214 - 1294)


Todo objeto amado é o centro de um Paraíso.
Novalis (1772 - 1801)


Os amores acabam. Quem nunca acaba é o amor.

Raffaele Carrieri



Ao amor, que tem tudo,
deve-se ir sem nada.

Ledo Ivo

Me leva, amor
Amor
Me leva, amor
Por onde for
Quero ser seu par

Edmundo Souto, Danilo Caymmi e Paulinho Tapajós


É que é a hora de abrir-te o coração!
Não de usar de palavras delicadas
Mas de deixar que jorrem liberadas
As incontidas águas da paixão.

Edmond Rostand (1868 - 1918, trad. de Ferreira Gullar



Enquanto a chama arder
Todo dia te ver passar
Tudo viver a teu lado
Com o arco da promessa no azul pintado pra durar

Beto Guedes e Ronaldo Bastos


O amor acontece na vida
Estavas desprevenida
E por acaso eu também

Dorival Caymmi

Ó doce amada, desperta
Vem dar teu calor ao luar
Quisera saber-te minha
Na hora serena e calma
A sombra confia ao vento
O limite da espera

Heitor Villa-Lobos e Dora Vasconcellos


Por que você não vem me dar amor?
Por que você não vem pra mim?
Eu não sou a Garota de Ipanema
Mas você também não é um Tom Jobim

Vander Lee e Rossana Decelso

Nunca amar
o que não
vibra
Orides Fontela



(...) O amor. Ele é como a lua, resiste a todos os sonetos e abençoa todos os pântanos.

Rubem Braga


Amar
é perder o tom
nas comas da ilusão

Djavan



Quando se ama, acontece de um habitar o sonho do outro, e fecundá-lo.

Affonso Romano de Sant'Anna



Teu corpo é chama e flameja
Como à tarde os horizontes...
Manuel Bandeira

O meu amar-te é uma catedral de silêncios eleitos.

Fernando Pessoa


A um certo modo de olhar, a um jeito de dar a mão, nós nos reconhecemos e a isto chamamos de amor. E então não é necessário o disfarce: embora não se fale, também não se mente; embora não se diga a verdade, também não é mais necessário dissimular. Amor é quando é concedido participar um pouco mais. 

Clarice Lispector - fragmento do conto "O ovo e a galinha"



Quem sabe o que é o amor?
É o mar quando incendeia.

Fátima Guedes

 

Quer se apenas
azul e belo
como é a paixão

Neide Archanjo


A tua mão no pescoço
As tuas costas macias
Por quanto tempo rondaram
As minhas noites vazias...

João Bosco e Aldir Blanc



Eu te amo, homem, exatamente como amo o que
acontece quando escuto oboé. Meu coração vai desdobrando
os panos, se alargando aquecido, dando
a volta ao mundo, estalando os dedos pra pessoa e bicho.

Adélia Prado



Seu olhar
É pra mim um mar bravio
Onde arrisco meus navios
Toda vez que deixo o cais

Perco tudo
Esse ar de quem não sonha
O orgulho, a vergonha,
Os meus pontos cardeais

Ivan Lins e Vitor Martins



Se você soubesse
como eu tava feia
do outro lado do telefone:

o cabelo sujo
a cara lavada
o cansaço da estrada.

Mas o olho, ah, o olho tava maquiado
de paixão!...

Virgínia Cavalcanti



Vivia a te buscar
Porque pensando em ti
Corria contra o tempo
Eu descartava os dias
Em que não te vi
Como de um filme
A ação que não valeu
Rodava as horas pra trás
Roubava um pouquinho
E ajeitava o meu caminho
Pra encostar no teu

Edu Lobo e Chico Buarque



Dizem-me: esse gênero de amor não é viável. Mas como avaliar a viabilidade? Por que o que é viável é um Bem? Por que durar é melhor que inflamar?

Roland Barthes



Eu quero a sorte
De um amor tranquilo
Com sabor de fruta mordida
Nós na batida
No embalo da rede
Matando a sede na saliva
Ser teu pão, ser tua comida
Todo amor que houver nessa vida
E algum trocado pra dar garantia

Frejat e Cazuza



As aparências enganam
aos que gelam e aos que inflamam
porque o fogo e o gelo
se irmanam no outono das paixões
os corações cortam lenha e depois
se preparam pra outro inverno
mas o verão que os unira
ainda vive e transpira ali
nos corpos juntos, na lareira
na reticente primavera
no insistente perfume
de alguma coisa chamada amor

Tunai e Sérgio Natureza 


Qualquer amor já um pouquinho de saúde, remédio contra a loucura.

João Guimarães Rosa


Amanhã é sexta-feira, talvez regresses para tomar meu coração. Como das outras vezes. Só que a cada volta tua, e sempre que te oferto o coração, sinto que te tenho como se te perdesse. Tenho-te apenas o tempo de acostumar-me a perder-te para sempre. Assim, te faço discreto pedido, não me arraste contigo quando te fores. Ou não me aceites, ainda que te peça para seguir o teu caminho. Não quero despojar-me de um coração que te ofereci com tanta opulência. Mas, se o quiseres realmente levar contigo, deixes ao menos algumas de suas fibras em minha casa. Com elas apenas hei de encontrar um outro retrato vivo que, sem me desprover, há de me fazer derramar lágriams de alegria, enquanto eu lhe esteja propondo os últimos pedaços de coração que meu corpo sedento de amor ainda produzirá.
Do teu camponês que se despede sem saber que é para sempre.

Nélida Piñon - fragmento do conto "Disse um campônio à sua amada"



Mais mais mais
Maravi/rosamente amar

Gonzaguinha


Nem mesmo existes como existes
em mim. Que não existo
senão
quando sonhas em mim.

Ruy Espinheira Filho



Amar é um elo entre
O azul e o amarelo

Paulo Leminsk



Saber amar
é saber deixar alguém te amar

Herbert Viana


Tá tudo cinza sem você
Tá tão vazio

Lobão



Quem diante do Amor
ousa falar em Inferno?
Quem diante do Inferno
ousa falar do Amor?
Ninguém me ama
ninguém me quer
ninguém me chama de Baudelaire.

Isabel Câmara



E o meu coração que tu não sentes
vai boiando ao acaso das correntes,
esquife negro sobre um mar em chamas...

Florbela Espanca



Amor é vida; é ter constantemente
Alma, sentidos, coração - abertos
Ao grande, ao belo; é ser capaz d'extremos,
D'altas virtudes, té capaz de crimes!

Gonçalves Dias



Sua voz quando ela canta
me lembra um pássaro mas
não um pássaro cantando:
lembra um pássado voando

Ferreira Gullar



Fundamental é mesmo o amor
É impossível ser feliz sozinho

Tom Jobim



Um fogo queimou dentro de mim
Que não tem mais jeito de se apagar

Joyce e Maurício Maestro



A tarde se deitava nos meus olhos
E a fuga da hora me entregava abril,
Um sabor familiar de até-logo criava
Um ar, e não sei por que, te percebi

Mário de Andrade



Vem, meu coração se enfeitou de céu
Se embebedou na luz do seu olhar
Queria tanto ter você aqui

Dominguinhos e Nando Cordel



Eu te amo calado
Como quem ouve uma sinfonia
De silêncio e de luz
Nós somos medo e desejo
Somos feitos de silêncio e som
Tem certas coisas que eu não sei dizer

Lulu Santos e Nelson Motta


Você habita o próprio centro 
de um coração que já foi meu.
Por dentro torço pra que dentro
em pouco lá só more eu.

Antonio Cicero

E porque ergues a
cabeça
e caem lírios.

Natália Correia


Meu bem, meu bem-me-quer
Te dou meu pé, meu não
Um céu cheio de estrelas
Feitas com caneta bic num papel de pão

Zeca Baleiro


 
Quando estou amando
É parecido com o sofrer
Eu morro de amores

Luiz Melodia


Mas se em abril floresce
a macieira
eu maçã feita
e pra lá de madura
ainda me desdobro
em brancas flores
cada vez que sua faca
me traspassa

Marina colasanti

Vem, vem, vem, vem, vem sentir o calor
Dos lábios meus
À procura dos teus
Vem matar essa paixão
Que me devora o coração
E só assim então
Serei feliz
Bem feliz

João de Barro e Pixinguinha



Resta-me tudo,
a mim que trago as mãos vazias,
seu calor nas noites frias,
seu cantar quando meu canto é mudo.

Resta-me seu amor,
e seu amor é tudo.

Osório Peixoto Silva


Este inferno de amar - como eu amo!-
Quem mo pôs aqui n'alma... quem foi!
Esta chama que alenta e consome.
Que é a vida - e que a vida destrói -
Como é que se veio a atear,
Quando - ai quando se há de ela apagar!


Almeida Garrett
Teus olhos imorais,
Mulher, que me dissecas,
Teus olhos dizem mais
Que muitas bibliotecas!
Cesário Verde
Sou o sonho de tua esperança,
Tua febre que nunca descansa,
O delírio que te há de matar!...
Álvares de Azevedo

Hoje eu quero a rosa mais linda que houver
E a primeira estrela que vier
Paa enfeitar a noite do meu bem
Dolores Duran
"Ora (direis) ouvir estrelas! Certo
Perdeste o senso!" E eu vos direi, no entanto,
Que, para ouvi-las, muita vez desperto
E abro as janelas, pálido de espanto...
(...)
E eu vos direi: "Amai para entendê-las!
Pois só quem ama pode ter ouvido
Capaz de ouvir e de entender estrelas".
Olavo Bilac
Eu queria te ver,
coxas de fora,
(como de fora vejo teus pêlos do peito
pela camisa de seda),a andares na rua,
entre assobios e apalpadelas,
o olhar disperso
como quem nada percebe,
e mostrando ao sentares,
subindo-te a roupa,
a cueca combinando com a gravata.
Leila Míccolis
Ardor em coração firme nascido!
Pranto por belos olhos derramado!
Incêndio em mares de água disfarçado!
Rio de neve em fogo convertido!
Gregório de Matos
(...) na floração excessiva da primavera; no abuso do verão; na dissonância do outono; no conforto do inverno; em todos os lugares o amor acaba; a qualquer hora o amor acaba; por qualquer motivo o amor acaba; para recomeçar em todos os lugares e a qualquer minuto o amor acaba.
Paulo Mendes Campos
O que é o amor?
Onde vai dar?
Luar perdido em mim
Danilo Caymmi e Dudu Falcão
O nosso amor não vai parar de rolar
De fugir e seguir como um rio
Dé, Bebel Gilberto e Cazuza
Quero encontrar um amor
Misto de samba leve com heavy metal
Que ponha as unhas de fora
Mas no agá da hora me venha total
Que tenha um ar diferente do meu
Que seja um canal aberto pro céu
E sempre na geladeira
Um vinho de primeira
Roubado da adega de Deus
Sérgio Sampaio
Meu coração não se cansa
de sempre e sempre te amar
Noel Rosa e João de Barro
Não vim pra ficar
Não me guarde uma escova de dentes, não vou pernoitar.
Não faz cópia da chave, não quero invadir o seu lar.
Quero vir como sempre, feito um beija-flor.
Wilson das Neves e Paulo César Pinheiro
Foi chegando sorrateiro
E antes que eu dissesse não
Se instalou feito um posseiro
Dentro do meu coração
Chico Buarque
Passas sem ver teu vigia
Catando a poesia
Que entornas no chão
Chico Buarque
É a sua vida que eu quero bordar na minha
Como se eu fosse o pano e você fosse a linha
E a agulha do real nas mãos da fantasia
Fosse bordando ponto a ponto nosso dia a dia
E fosse aparecendo aos poucos nosso amor
Gilberto Gil
Em mim o amor se fez
Do jeito que se inventou
Toda razão
Perde o seu fim
Se um coração
For o juiz
Djavan
Até hoje sei quem me pensa
com pensamento de homem!
A parte que em mim não pensa e vai da cintura aos pés
reage em vagas excêntricas,
de um vulcão que fosse ameno,
me põe inocente e ofertada,
madura pra olfato e dentes,
em carne de amor, a fruta.
Adélia Prado

Amar é a eterna inocência.
Alberto Caeiro, heterônimo de Fernando Pessoa

O que é que há?
É só o amor
Não existe remédio
Não existe doutor
Que possa curar
Rita Lee e Roberto de Carvalho 

Você foi embora
Nem disse ao menos
Pra onde se mudou
Tudo tão depressa
Se modificou
Só restou um disco
Com a canção do nosso amor

Luiz Bonfá

Fica mal com Deus
Quem não sabe dar
Fica mal comigo
Quem não sabe amar

Geraldo Vandré

(...) 
adorna meu colo
com folhas azuis.
Enfeita meu dia,
acarinha meu tempo cansado.
Traz de volta meu tempo contente.
Ajunta os cacos, constrói o
vitral.
E sempre haverá um modo-verdade
para estarmos mais juntos.

Fábio Brito